Boardwalk Empire X Sopranos

Boardwalk Empire é uma série completa: ótimos atores, ótima ambientação, personagens complexos e, o mais importante de tudo, um time fantástico de roteiristas. Só que o mais me intriga nisso tudo não é o festejado nome de Martin Scorsese nos créditos, mas o de Terence Winter, o criador da série.

Winter é responsável pelo maior sucesso da HBO, The Sopranos, minha série do coração. Sempre me pego comparando os personagens, os diálogos e os núcleos de ambas.

Boardwalk Empire é uma série sobre contrabando e corrupção. Sopranos também –mas com um diferencial absurdo: o aspecto psicológico, compreendido pelo lifestyle da máfia, é profundamente explorado.

Já a nova série de Winter está mais focada no início do crime organizado nos Estados Unidos. E já passamos da metade da segunda temporada. Um alívio para quem não agüenta mais vampiro, lobisomem, metamorfo e zumbi.

Realmente não creio que uma supere a outra – muitos fãs adoram levantar essa questão – mas começo hoje a rever Sopranos, pela terceira vez, a fim de responder a pergunta: Boardwalk Empire vai superar Sopranos?

Anúncios